No começo foi um simples beijo, marcado pela lua. O plano era, apenas beijos, sem compromisso sem sentimentos.

Os dias se passaram, os beijos aumentaram, e agora? Agora há sentimentos em ambas parte. Sentimentos que afogam, apertam a gargante, não deixando falar, não deixando expressar o real sentidos das coisas, expressar oque pode acontecer no futuro, expressar a realidade entre nós, mas oque ele quer, ele quer apenas viver o presente e esquecer o futuro.

O lance era, sinceridade em ambas parte, sinceridades com as palavras, com os atos, com o envolvimento com outras pessoas, foi o que aconteceu, um se expressou mais que o outro, um contou mais que o outro, só que o que mais se expressou, não expressou tudo, deixou acontecimentos escondidos, escondido na noite, acabou que ela ficou sabendo do que aconteceu, mesmo não tendo nada de sério com você, doeu nela saber, doeu nela imaginar você com outra pessoa, em trocas de carinho em uma noite sem fim.

Mas ela não pode cobrar muito, já que vocês não tem nada sério, mas e o lance de jogar limpo de contar tudo, vejo que não cumpriu esse lado. Mesmo ela não podendo reclamar, já que também deixou coisas sem contar, mas oque você fez foi pior do que as ações dela.

Assim vai seguindo, assim vai levando, essa relação indefinita.

2 comentários:

  1. Ownt...que fofooooo
    Gostei muinto,parabens
    Sigo de volta
    http://surejustnot.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Autora

Autora
Rebeka Aguiar, 16 verôes. Sonhadora, sempre com música na cabeça, câmera penturada no pescoço, livro em baixo dos braços. Futura pscologa ou publicidaria. De Paulo de Faria - SP
Tecnologia do Blogger.

Facebook

Seguidores

Instagram

Pesquise